Ouro Preto, história e beleza

11/03/2018 | 6

Gostam de cidades históricas? E as que são tombadas como patrimônio histórico devido a sua arquitetura? Então vamos mostrar um pouquinhos das riquezas de Ouro Preto, cidade histórica de Minas Gerais, localizada a pouco menos de 100 km de Belo Horizonte.

Impossível não viajar no tempo e na história no sobe-e-desce das ladeiras de Ouro Preto. Entre um atrativo e outro, tudo remete ao período colonial – são igrejas que exibem a genialidade de Aleijadinho; minas de ouro exploradas com o suor dos escravos; museus que contam a saga dos inconfidentes… O pano de fundo não poderia ser mais expressivo: as montanhas típicas das Gerais.

Centro histórico

Nossa primeira parada foi o Museu da Inconfidência. Um museu histórico e artístico, localizado na praça Tiradentes (local onde o inconfidente foi enforcado) e ocupa a antiga Casa de Câmara e Cadeia de Vila Rica e mais quatro prédios auxiliares, embelezando ainda mais a cidade. Nele estão guardadas as memórias da luta de um Brasil independente. Cada visitante se identifica com o sentido de liberdade expressado nas obras. É uma instituição afinada com o seu tempo, pois preserva o passado pensando no futuro. Formado por mais de quatro mil peças, o acervo do Museu da Inconfidência possui exemplares de praticamente todas as esferas da vida sociocultural mineira dos séculos XVIII e XIX. É muito interessante e merece a visita, mesmo para os que não conhecem a história.

Museu da Inconfidência

Praça Tiradentes

Local do enforcamento

Depois foi o tão esperado momento: almoçar a maravilhosa comida mineira! Fomos conhecer um muito bem recomendado restaurante, que foi instalado na senzala de um autêntico casarão do século XVIII, que é o Restaurante Contos de Réis o qual preserva duas das maiores riquezas de Minas: a beleza arquitetônica e a tradicional comida mineira servida em panelas de pedra e deliciosos doces caseiros, servidos em tachos de cobre e acompanhados do famoso queijo minas. O Restaurante oferece até 4 buffets, com capacidade para 220 pessoas e estacionamento privativo. Tudo isso para você saborear um pouco de Minas, com prazer e tranquilidade. É sensacional, super recomendamos!

Restaurante Contos de Réis

Restaurante Contos de Réis – resquícios da senzala

Bom, depois de um almoço desses, precisávamos caminhar um pouco mais para fazer a digestão….kkk. Então foi o momento de descermos a ladeira e irmos conhecer a Basílica Menor Nossa Senhora do Pilar, popularmente chamada Igreja Matriz Nossa Senhora do Pilar. É uma das edificações católicas mais conhecidas entre as que foram erguidas durante o Ciclo do Ouro. Localizada na Praça Monsenhor Castilho Barbosa, é um monumento tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Na sacristia está o Museu de Arte Sacra do Pilar, que reúne cerca de 8 mil peças dos séculos XVII ao XIX, além de documentos e algumas das vestimentas usadas na celebração do Santíssimo Sacramento e Semana Santa. Muito bonita.

Ladeiras da cidade

Igreja Matriz Nossa Senhora do Pilar

Tem muita coisa para conhecer em Ouro Preto, mas como estava chovendo, não pudemos fazer tudo que gostaríamos, principalmente porque a cidade é cheia de ladeiras e com chuva não recomendamos, pois acaba ficando perigoso escorregar.

Ruas da cidade

Tínhamos na programação conhecer as famosas Minas de Ouro Preto, que num período de 150 anos, da descoberta ao esgotamento, estima-se em 535 toneladas a produção total. Impossível visitar Ouro Preto e não imaginar como era a cidade no auge da mineração. Hoje, tudo o que vemos é relacionado aquela época, à riqueza do ouro, a aristocracia e também ao trabalho escravo que era a mão de obra que gerava a principal fonte de economia local.

Várias das minas que funcionavam na época, hoje estão abertas à visitação de turistas, e nós tínhamos muita curiosidade de conhecer uma mina de perto para tentar imaginar como tudo funcionava. Adentrar os seus túneis estreitos, agora iluminados, dá uma ideia da vida dos seres enfurnados centenas de metros dentro da pedra, suando pelo calor, respirando poeira, trabalhando sob condições inóspitas.

As minas abertas para visitação são: Mina de Santa Rita, Mina do Chico Rei, Mina do Jejé, Mina du Veloso e Mina Felipe dos Santos. Para qualquer uma dessas minas, se paga uma taxa para visitação acompanhada de um guia local. Ficamos com água na boca, por isso teremos que voltar para fazer esse tour histórico, pois fomos até as entradas, mas não pudemos entrar por causa de tanta chuva.

Na subida de volta ao centro histórico, paramos para nos maravilharmos com a feira de artesanato de pedra sabão. Ao lado da Igreja de São Francisco de Assis, obra-prima do artista Antônio Francisco de Lisboa, o Aleijadinho, artesãos expõem seu artesanato feito em pedra sabão, material que o Mestre usou em muitas de suas obras. A pedra bruta ganha vida nas mãos dos artesãos em forma de jarros, potes, caixas e pequenas esculturas. Algumas peças são pintadas, mas outras preservam a cor original, acinzentada, do mineral. Esse é o artesanato típico da cidade de Ouro Preto e único no mundo. Impossível sair dali sem gastar com essas maravilhas!!!

Igreja de São Francisco de Assis

Feira de artesanato de pedra sabão

Linda cidade histórica de Minas, com muitos atrativos. Sem deixar de mencionar a maravilhosa culinária mineira que é sensacional! vale muito a pena essa visita.

Querem conhecer um pouco mais de Minas Gerais? Cliquem nesse link e conhecerão também outros encantos desse estado cheio de encantos.

 

Escrito com carinho por
vivendoavida

6 Comentários

  1. Lilian Rodrigues disse:

    Fiquei maravilhada com a história de Ouro Preto e já coloquei também na minha programação para visitá-la! Parece fantástico e com certeza espero não estar chovendo para visitar as minas! Muito obrigada mais uma vez por ajudar no roteiro de minha próxima viagem!!!

    • vivendoavida disse:

      Que bom que gostou Lilian! Ficamos felizes em inspirar as pessoas a viajar, que é nosso maior prazer e objetivo desse blog. Faça uma excelente viagem por essa terra linda que é MG! Obrigada pela visita ao nosso blog. Bjs

  2. Lilian Rodrigues disse:

    As fotos, independente da chuva nos dão um ar de quero conhecer logo…rs…parabéns, assim fica fácil viajar e montar roteiros do que visitar!!! Obrigada!

  3. Anapaula disse:

    Meninas… Avelina e Vivian!
    Eu adorei o blog de vocês!
    Matérias super interessantes.
    E quanto a Ouro Preto-MG, só sei de uma coisa…que eu preciso conhecer essa cidade histórica linda!
    Parabéns pelo post.
    Um abraço!

    • vivendoavida disse:

      Que bom que você gostou Aninha!! Ficamos felizes em inspirar as pessoas a conhecer cada vez mais nosso Brasil que é tão cheio de encantos! Obrigada mais uma vez pela visita. Bjs


Deixe sua opinião!